dez 22 2017

Semana natalina leva Dia da Beleza às pacientes

O Centro Estadual de Referência e Excelência em Dependência Química, em Aparecida de Goiânia (CREDEQ – Prof. Jamil Issy), realizou na manhã desta terça-feira (19/12), o Dia da Beleza para as pacientes do Núcleo Adulto Feminino. O evento fez parte da semana comemorativa ao final de ano, que se encerra no próximo sábado (23/12), com a entrega de presentes aos filhos de pacientes.

Para a realização do momento festivo convidou-se uma equipe da Mary Kay, que é uma empresa de venda direta de produtos na categoria de maquiagem, cuidados com a pele e fragrâncias em mais de 40 países. Enquanto as pacientes eram orientadas quanto aos cuidados com a pele e a aparência, profissionais da beleza realizavam cortes, hidratações e escovas.

Suzane… (nome fictício) garantiu que apesar de estar com 27 anos jamais recebeu cuidados profissionais que lhe garantissem uma satisfação plena com a sua aparência. “Estou me sentindo linda e até autoconfiante”. Gabriela… depois de receber uma hidratação facial e contornar os lábios com um batom cremoso, não conseguia esconder a alegria com sua imagem refletida no espelho, improvisado junto à mesa de ping pong, existente no pátio de convívio social do núcleo.

“Cuidados com a estética são necessários e importantes para qualquer pessoa. Olhar-se no espelho e gostar do que se vê, além de perceber que nossa aparência nos faz acolhidas pelo outro, eleva a autoestima e ajuda em qualquer tratamento de saúde”, esclarece a supervisora de Assistência Social do CREDEQ – Prof. Jamil Issy Elis Marina.

“É importante pontuar que os cuidados com a aparência e com a estética fazem parte da recuperação”, frisa a supervisora da Terapia Ocupacional Stefânia Rosa. Ambas profissionais foram responsáveis pela organização e desenvolvimento dessas atividades.

À tarde, na sala de Terapia Ocupacional 3, do Ambulatório Infantojuvenil, aconteceu o momento beleza, com tratamento de pele e maquiagem, para as colaboradoras da unidade de saúde. Durante duas horas, representantes da empresa de cosméticos e perfumes ensinaram técnicas parra se tratar a pele e truques de maquiagem.

Para a superintendente do CREDEQ – Prof. Jamil Issy, Salete Maria Reis, momentos de cuidado com a aparência transpõem as fronteiras das cautelas puramente corpóreas. Para a dirigente, “são instantes como esses em que as participantes estabelecem vínculos emocionais, o que tendem a facilitar o convívio e gerar espírito de convivência harmônico”.

Link permanente para este artigo: http://credeq-go.org.br/semana-natalina-leva-dia-da-beleza-as-pacientes/

dez 21 2017

Papai Noel chega ao CREDEQ em clima de alegria

Os 90 minutos que antecederam o almoço natalino no Centro Estadual de Referência e Excelência em Dependência Química, em Aparecida de Goiânia (CREDEQ – Prof. Jamil Issy), foram marcados pela animação e pelo fascínio com as apresentações artísticas. As ações desta quinta-feira (21/12) aconteceram no Núcleo Adulto Masculino 1, localizado na ala leste do complexo terapêutico.

Elas estão inseridas no quarto dia do cronograma de atividades da semana comemorativa ao final de ano. A animação musical ficou por conta do cantor católico Felipe Sitaro e banda. Antes que o almoço fosse servido, a plateia foi surpreendida com a chegada do PapAi Noel, artisticamente anunciado pela princesa Anna, a protagonista do filme de animação musical da Walt Disney, Frozen – O reino de gelo.

O público, que no auge do evento contava com 211 presentes – 101 pacientes internados nos dois núcleos

adultos (feminino e masculino) da unidade, 80 colaboradores (administrativo, técnico e clínico) e 30 terceirizados – aplaudiu de pé a Banda CREDEQ, a primeira apresentação artística.

Criado simultaneamente à inauguração do CREDEQ – Prof. Jamil Issy, em junho de 2016, o conjunto musical é resultado das oficinas terapêuticas de musicoterapia, ofertado à época no Núcleo Adulto Masculino da unidade. De acordo com sua criadora, a mestra e musicoterapeuta Fabrícia Santana, a banda contribui no fortalecimento, na aceitação, na permanência e na manutenção do tratamento em dependência química.

O número de componentes é flutuante, pois é indispensável a adesão dos pacientes. Na apresentação desta quinta-feira, o grupo estava sendo integrado por oito pessoas, sendo dois pacientes – Gleisner Lopes e Charlles Garcia, no vocal – e sete colaboradores do CREDEQ – Prof. Jamil Issy – psiquiatra Sávio Severo/baixo, motorista Joel Martins/baixo, educador físico Olímpio Teodoro/Violão, a monitora Adrielly Martins e o psicólogo James Figueiredo/Vozes, e os musicoterapeutas Fabrícia Santana e Humberto Neto/Percussão-Voz e bateria, respectivamente.

O grupo apresentou quatro canções: Consagração à Nossa Senhora, da irmã Kelly Patrícia; Trem Bala, de Ana Vilela; Aleluia, de Grabriela Rocha; e Jesus Cristo, de Roberto Carlos. Todas as músicas foram acompanhadas pelo público. Em seguida foi a vez da apresentação musical das pacientes do Núcleo Adulto Feminino, a partir do qual o musicoterapeuta Humberto Neto organizou um Coro Terapêutico, cujo repertório é fundamentado no resgate da sonoridade das pacientes.

O coro é formado cinco pacientes (Pollyanna, Francilene, Claudia, Marilin e Marilúbia) e duas colaboradoras do CREDEQ – Prof. Jamil Issy (psicóloga Glaucia Barbosa e a psicopedagoga Luciara). O apoio musical foi feito por Humberto Neto/Teclado, monitora Raquel Cristina Carvalho, e as pacientes Elci/tamor e Ingrid/Cajon.

O coral interpretou três canções: Setevida, da roqueira Pitty; Vem está chegando o Natal, da gospel Aline Barros; e O amor do nosso Deus, da banda de música cristã contemporânea e congregacional, Diante do Trono. A última canção, além de vocalizada, foi, também, traduzida para a língua Libras, o idioma da comunidade surda brasileira. Para a façanha, o musicoterapeuta Humberto Neto contou com o apoio da educadora Gracielly Linhares, e organizou a parte cênica da versão traduzida.

A atenção do público, logo depois, esteve voltada para dois pacientes. Um que declamou uma poesia e outro leu um texto da sua autoria sobre o seu tratamento na unidade. A dupla foi sucedida pela irmã Raquel Ferreira Lemes, coordenadora do projeto Casa da Missão e uma das responsáveis pelos serviços religiosos e humanitários disponibilizados aos pacientes e colaboradores do CREDEQ – prof. Jamil Issy. Ela realizou um momento de reflexão, meditando sobre o nascimento de Jesus Cristo.

Ela foi sucedida pelo intérprete musical Sitaro, que esteve acompanhado por Milton Leão, no Sax, e João Henrique, na Bateria. A agitação foi geral. A área externa do Núcleo Adulto masculino 1 foi tomada por uma só voz, fazendo com que todos acompanhassem o ritmo de modo muito animado.

O período festivo foi rematado pela dupla princesa Anna e Papai Noel, personagens pertencentes à Cia Art’ Riso (instagram @cia_art_riso, @ciaartrisofantasias, e whatsapp-98208-5985), uma empesa de espetáculos teatrais, animações de eventos com diversos personagens vivos, e locações de fantasias. Dirigida pela atriz e diretora Franciele Assunção, a dupla realizou a surpresa natalina de maneira voluntária e pelo segundo ano consecutivo.

Link permanente para este artigo: http://credeq-go.org.br/papai-noel-chega-ao-credeq-em-clima-de-alegria/

dez 20 2017

Coral da OVG encanta pacientes do CREDEQ

Um momento de genuíno fascínio coletivo. Assim se pode descrever a sensação propiciada pelas melodias e letras interpretadas pelo Coral Voz Solidária do Centro Goiano de Voluntários da OVG. O grupo musical apresentou um repertório com canções natalinas italianas, na manhã desta quarta-feira (20/12), no Centro Estadual de Referência e Excelência em Dependência Química, em Aparecida de Goiânia (CREDEQ – Prof. Jamil Issy).

O evento fez parte da semana comemorativa ao final de ano, que se encerra no próximo sábado (23/12), com a entrega de presentes aos filhos de pacientes. Organizado pela Diretoria Administrativa e Financeira do CREDEQ – Prof. Jamil Issy, o momento teve espaço no Núcleo Adulto Masculino, onde estiveram reunidos pacientes internados (homens e mulheres).

O Coral Voz solidária é formado por meio do voluntariado. Sediado no Centro Goiano de Voluntários da OVG (CGV), localizado no Setor Aeroporto, em Goiânia, recebe interessados em se dedicar ao canto. O coro musical, sob a regência de Vasti Silva, foi criado há dez anos com o objetivo de promover qualidade de vida e incentivar a prática do voluntariado.

É formado atualmente por 11 colaboradoras da OVG, que dedicam parte de seu tempo para os ensaios e apresentações, normalmente realizadas em entidades sociais, órgãos governamentais e em eventos oficiais da OVG.

Após a apresentação musical, que se estendeu por 30 minutos, a partir das 9h30, o público formado por pacientes e colaboradores prestigiou a exposição de trabalhos produzidos pelos pacientes durante as oficinas de Terapia Ocupacional. Entre as peças estão quadros de pintura a óleo, itens feitos com palitos de picolé, pintura em tecidos, dobraduras e esculturas. De acordo com o gerente Multiprofissional do CREDEQ – Prof. Jamil Issy, psicólogo Marcus Túlio Kein, a criação dos trabalhos oportuniza à psique humana em tratamento construir condições emocionais em que o paciente se reconheça como autor da própria história, contribuindo, assim com o trabalho de desenvolvimento de uma comunicação assertiva diante da vida.

Link permanente para este artigo: http://credeq-go.org.br/coral-da-ovg-encanta-pacientes-do-credeq/

dez 19 2017

Culto evangélico reúne pacientes no CREDEQ

Durante cerca de duas horas a maioria dos pacientes internados no Centro Estadual de Referência e Excelência em Dependência Química, em Aparecida de Goiânia (CREDEQ – Prof. Jamil Issy), participou de um culto evangélico, realizado no Núcleo Adulto Masculino, sob o comando do pastor Raimundo Nonato, da 4ª Igreja Batista da Paz, em Goiânia.

O evento, do qual participaram pacientes dos núcleos feminino e masculino, fez parte da semana comemorativa ao final de ano, que se encerra no próximo sábado, dia 23, com a entrega de presentes aos filhos de pacientes. O culto teve início com um momento de louvou, comandado pelo musicoterapeuta do Núcleo Adulto Feminino, Humberto dos Santos Neto.

Em seguida, o pastor Nonato concedeu a palavra a um paciente, que leu uma mensagem bíblica, encontrada no capítulo 13 de Lucas, nos versículos 6 até 9, onde se é tratada sobre a Parábola da Figueira Estéril. 

Em seguida, o pastor passou à pregação evangelística, que teve por leitura o capítulo 3 de Josué, na qual o profeta lidera os israelitas a travessia do Jordão, para depois liderar o povo na conquista da terra prometida e conquistar a cidade de Jericó.

Na passagem, o pastor salientou que o texto ensinava que “a vida, que é dada por Deus, estaria nas mãos de cada um, o que não poderia legitimar a desculpa de que a responsabilidades por erros individuais geraria obrigação para outros, que não seus autores”.

Link permanente para este artigo: http://credeq-go.org.br/culto-evangelico-reune-pacientes-no-credeq/

dez 18 2017

Semana festiva no CREDEQ é aberta com futebol

Duas partidas de futebol marcaram o início da semana com atividades voltadas para a celebração tanto do Natal, quanto do Ano Novo, no Centro Estadual de Referência e Excelência em Dependência Química, em Aparecida de Goiânia (CREDEQ – Prof. Jamil Issy). Na oportunidade foram doados pela Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude de Aparecida de Goiânia uniformes completos para jogos de futebol e dois pares de chuteira do jogador Adriano Magrão.

   

O encerramento da movimentação esportiva terminou, por volta do meio dia, com a entrega de troféus e medalhas pelo secretário de Esporte, Lazer e Juventude de Aparecida de Goiânia, Gerfeson Aragão de Melo, e da superintendente do CREDEQ – Prof. Jamil Issy, Salete Maria de Sousa Reis.

Ambos ressaltaram a importância da parceria entre a unidade e a Prefeitura de Aparecida de Goiânia, pela qual se tem sido possível organizar eventos esportivos, responsáveis por estimularem os pacientes a fortalecerem a disposição ao tratamento ainda mais compromissados. A observação de ambos dirigentes foi respaldada pelo gerente médico do CREDEQ – Prof. Jamil Issy, psiquiatra Airton Ferreira (assista vídeo abaixo).

O evento também foi prestigiado pelo secretário do Desenvolvimento Econômico de Aparecida de Goiânia, Ozair José da Silva, que garantiu que a administração aparecidense está “completamente associada ao CREDEQ – Prof. Jamil Issy, principalmente pelo conceito restaurador de seres humanos, que norteia os trabalhos da unidade”.

A primeira partida, às 9h30, foi protagonizada colaboradores e pacientes masculinos do CREDEQ – Prof. Jamil Issy. Uma hora mais tarde e narrada pelo coordenador de esporte Kleber Camilo da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude de Aparecida, entrou em campo a equipe da unidade e a dos Amigos da Secretaria, formada por profissionais da Pasta e ex-atletas profissionais, como Geovane, Clésio/ex-Rio Verde, Neto/ex-Aparecidense, Leonardo/ex-Goiânia, Oliveira/ex-Figueirense, Adriano Magrão/ex-Fluminense, Cláudio Batista/superintendente da Secretaria de Esportes e Enoque Neto/locutor exportivo.

O segundo time da unidade foi composto pelo psicólogo Catarino de Oliveira (goleiro), educador físico Michel Leão, motorista Rosalino Ferreira, técnico em segurança do trabalho Humberto Amorim, encarregado do patrimônio Wesley Araújo, encarregado do RH José Vagno, educador físico Olímpio Teodoro, gerente do RH Diego Nascimento, segurança Richard. O placar do jogo ficou em 4 a 6, para os visitantes.

Link permanente para este artigo: http://credeq-go.org.br/semana-festiva-no-credeq-e-aberta-com-futebol/

dez 15 2017

CREDEQ realiza semana comemorativa ao Final de Ano

O Centro Estadual de Referência e Excelência em Dependência Química, em Aparecida de Goiânia (CREDEQ – Prof. Jamil Issy), realiza, entre os dias 18 e 23 de dezembro, uma semana com atividades voltadas para a celebração tanto do Natal, quanto do Ano Novo.

Entre as ações estão apresentações musicais, celebrações religiosas, almoço, dia da beleza e a tradicional entrega de presentes aos filhos de pacientes. A iniciativa esta a cargo da Diretoria Administrativa Financeira, cujo titular, Francisco de Assis Queiroz, explica que as festividades têm por objetivo aproximar os colaboradores da unidade e reverberar o espírito natalino.

Programação:

 

Link permanente para este artigo: http://credeq-go.org.br/credeq-realiza-semana-comemorativa-ao-final-de-ano/

dez 06 2017

CREDEQ participa do simpósio que discutirá relação entre pública e privada

O Centro Estadual de Referência e Excelência em Dependência Química, em Aparecida de Goiânia (CREDEQ – Prof. Jamil Issy), participa do 1º Simpósio Nacional de Gestão Pública e Privada discutirá a associação entre entidades do Terceiro Setor e a administração pública. A unidade será representada por seu diretor técnico, psiquiatra Tiago Oliveira, e o seu assessor jurídico, advogado Leonardo Ornelas. O evento, que acontece nesta quinta-feira (7/12), entre 8 e 18h30, no auditório da Reitoria da PUC/GO  (Praça Universitária), é organizado pela Escola de Ciências Médicas, Farmacêuticas e Biomédicas da PUC Goiás e a Secretaria Estadual da Saúde de Goiás.

No acontecimento irá se abordar o tema A relação público/privada no mundo contemporâneo: organizações sociais, avanços e desafios para uma gestão, de alta performance, da saúde e educação. O simpósio é destinado a gestores, profissionais da saúde e educação pública e privada, empresários, administradores, secretários da Saúde e da Educação e demais interessados em gestão pública e privada nestas áreas.

O objetivo do evento, de acordo com o presidente da comissão organizadora, Renato Gomes, é discutir sobre os avanços e desafios na gestão das unidades de saúde e educação na rede própria do Estado de Goiás, através dos contratos de gestão com organizações sociais, bem como o impacto deste modelo tanto na qualidade e segurança do paciente, como o efeito na gestão do custo.

“O país passa por um momento histórico de transformação nas relações no ambiente público e privado, cabendo debates sobre tendências nos modelos de gestão, tanto na área pública quanto na privada. a ideia de construir o Simpósio é para reunirmos, anualmente, profissionais das mais diversas áreas, para consolidação de novos modelos e formas para uma gestão com excelência”, esclarece Renato Gomes.

Na ocasião haverá uma homenagem (in memorian) ao professor Nion Albernaz, ex-prefeito de Goiânia, pela excelência na gestão e prestação de serviços nas unidades de saúde do estado de Goiás. Mesas-redondas pautam a programação do evento: a gestão pública hoje; contratos de gestão; gestão de alta performance e segurança do paciente serão os principais temas abordados por pesquisadores  que são referência no assunto.

A organização revela que os gastos com a saúde no Brasil poderão atingir entre 20% e 25% do PIB em 2030, de atuais 9%. Atualmente, o Brasil possui 273.586 estabelecimentos de saúde cadastrados, dos quais 6.642 são hospitais e que somam 496.038 leitos. Ressalta-se, ainda, que cerca de 2,6 milhões de profissionais atuam no setor da saúde. Apesar da logística e do corpo profissional evidenciarem números grandiosos, em um país que está inserido no rol das sete maiores economias global, o Brasil gasta pouco em saúde, quando comparado a outros países.

Link permanente para este artigo: http://credeq-go.org.br/credeq-participa-de-simposio-em-que-sera-discutida-relacao-publica-e-privada/

dez 06 2017

CREDEQ na CBN Goiânia

O diretor técnico do Centro Estadual de Reabilitação e Excelência em Dependência Química, em Aparecida de Goiânia – CREDEQ – Prof. Jamil Issy, Tiago Oliveira, concedeu entrevista à Rádio CBN, na qual falou sobre o novo perfil da unidade, que está internando somente adultos desde o último dia 1º de dezembro. A entrevista foi concedida à jornalista Nathália Lima, durante o CBN Total, na tarde da última terça-feira (5), às 15h20. A matéria pode ser ouvida pelo link abaixo.

https://www.cbngoiania.com.br/programas/cbn-goiania/cbn-goi%C3%A2nia-1.213644/credeq-em-aparecida-de-goi%C3%A2nia-passa-por-mudan%C3%A7as-nos-atendimentos-1.1410863 

 

 

Link permanente para este artigo: http://credeq-go.org.br/credeq-na-cbn-goiania/

dez 05 2017

CREDEQ passa a internar só mulheres e homens adultos

O Centro Estadual de Referência e Excelência em Dependência Química de Aparecida de Goiânia (CREDEQ – Prof. Jamil Issy) passa a internar somente mulheres e homens adultos. Durante os últimos cinco meses, entre junho e novembro, a única unidade pública de saúde em Goiás a atender casos graves de dependência química atendeu, também, à população infantojuvenil do estado, para a qual destinava 36 vagas (24 masculina e 12 feminina).

A alteração no perfil está valendo desde o último dia 1º de dezembro e se deve a baixa demanda de casos infantojuvenis. Por outro lado, o acompanhamento monitorado pelo CREDEQ – Prof. Jamil Issy revelou que a maior procura é pelo público masculino adulto. O diretor técnico da unidade de saúde, psiquiatra Tiago Oliveira, adianta que o público continuará sendo acolhido, tratado e acompanhado pela estrutura CREDEQ, mas no ambiente ambulatorial, onde os profissionais e a estrutura logísticas estão adaptadas as suas peculiaridades.

Diante dessa realidade, a unidade conseguiu que a Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) autorizasse o fim das internações infantojuveis, cujos casos serão atendidos e acompanhados pelo Ambulatório InfantoJuvenil, cujos profissionais e estrutura logísticas estão adaptados às peculiaridades da faixa etária. Diante do quadro, das 96 vagas na seara hospitalar do CREDEQ – Prof. Jamil Issy 72 estão destinadas aos pacientes masculinos e 24 para as mulheres.

De acordo com a superintendente do Controle, Avaliação e Monitoramento das Organizações Sociais da SES/GO, Maria Christina Reis, o ineditismo do conceito CREDEQ, que não tem similaridade nacional, contemporiza ajustes e reavaliações. Principalmente ao se considerar que a saúde é dinâmica e está sediada nos comportamentos, nas sazonalidades epidemiológicas e em fatores externos à governabilidade da pasta.

O CREDEQ – Prof. Jamil Issy foi inaugurado em 23 de junho de 2016, ofertando 30 vagas para homens adultos. A partir do dia 30 de janeiro do ano seguinte, a unidade foi autorizada pela SES-GO a iniciar o atendimento ambulatorial. No dia 17 de março, o público feminino passou a ser acolhido. No dia 1º de junho, o Núcleo Infantojuvenil iniciou atendimentos.

Atualmente, das 96 vagas hospitalares, 93 estão ocupadas, sendo 81 com homens e 12 com mulheres. Durante o atendimento aos público infantojuvenil, o CREDEQ – Prof. Jamil Issy acolheu e tratou, em âmbito de desintoxicação e Unidade de Tratamento Residencial (UTR’s) 57 adolescentes.

Link permanente para este artigo: http://credeq-go.org.br/credeq-passa-a-internar-so-mulheres-e-homens-adultos/

nov 16 2017

CREDEQ fala sobre dependência química à Rádio 730 AM

Dependência química pode gerar problemas sociais, mas em sua essência ela é uma doença crônica, progressiva e letal, quando não tratada. Este cenário foi discutido na segunda-feira (13/11), no estúdio da Rádio 730 AM, pelo psiquiatra do Centro de Referência e Excelência em Dependência Química, em Aparecida de Goiânia (CREDEQ – Prof. Jamil Issy), Alexandre Augusto de Castro Peleja.

 

 

A dependência química é um problema de saúde pública que afeta milhares de brasileiros. A doença apresenta características que a distingue de outros transtornos mentais.  Por isso, o tratamento de dependência química, demanda um programa específico. CREDEQ – Prof. Jamil Issy realiza esse trabalho em Goiás. O assunto foi discutido durante uma hora no quadro Saúde, do Programa Cidadania em Destaque, comandado pela jornalista Cecília Barcelos. “A dependência química é principalmente um problema de saúde, e ela deve ser tratada como tal. Se a olharmos apenas como problema social, o tratamento fica incompleto. É preciso ter abordagem com médico, psicólogo, assistente social, terapeuta ocupacional e educador físico”, argumenta o médico Peleja. 

Alcoolismo

O álcool é a mais letal de todas as drogas. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 3 milhões de pessoas em todo o planeta morrem por uso de bebidas alcoólicas. Alexandre Peleja afirma que um dos piores momentos da vida de um dependente químico nestes casos é quando resolve parar de beber.

“Ele pode inclusive morrer. A abstinência do álcool é uma das mais graves, e só perde para a heroína. No Credeq, por exemplo, temos a unidade de intoxicação. O paciente chega da rua, e estava consumindo álcool. Ele fica de uma a duas semanas nesta unidade sendo monitorado 24 horas por dia para evitar a síndrome da abstinência que pode gerar uma crise convulsiva, entrar em coma e resulta em morte”, ressalta.

O especialista reforça ainda que antes de tomar a decisão de deixar de beber, é preciso procurar ajuda médica, evitando assim um problema maior.

Tabagismo

Outro vício por droga lícita que afeta milhões de pessoas em todo o mundo é o uso do cigarro. Ruim para quem fuma, tão pior para quem está próximo. Alexandre Peleja salienta que fumantes tem potencializados problemas de saúde por causa do fumo.

“Apesar de ser socialmente aceito. No mundo, está diminuindo o uso, as pessoas estão parando de fumar. No entanto, traz todas as consequências no corpo como câncer de bexiga, de pulmão. Do ponto de vista psiquiátrico, é uma comorbidade psiquiátrica e piora vários outros transtornos. Se a pessoa tem depressão ou ansiedade, e continua fumando, isso piora a qualidade de vida mental e física dela”, avalia.

Tratamento

Após a internação, que dura em média duas semanas, outros processos auxiliam na recuperação do dependente químico, como descreve o especialista.

“Principalmente na prevenção da recaída, para o paciente poder se habilitar e perceber como funcionam os sintomas, a fissura ou vontade intensa, e para que ele possa se programar. Outro aspecto é que o paciente perde a capacidade laborativa, vai parando de trabalhar, e então focamos para que ele desenvolva essas habilidades”, destaca.

Link permanente para este artigo: http://credeq-go.org.br/credeq-fala-sobre-dependencia-quimica-a-radio-730-am/

Carregar mais