TRANSPARÊNCIA

Visita de políticos abre festejos pelos 3 anos do CREDEQ


O início das comemorações pelos três anos de funcionamento do Centro Estadual de Referência e Excelência em Dependência Química, em Aparecida de Goiânia (CREDEQ – Prof. Jamil Issy), deu-se com a participação de 32 autoridades políticas das três esferas parlamentares (vereadores de Aparecida de Goiânia, Hidrolândia e Goiânia, deputado estadual e deputado federal) e secretários (de Goiás e Aparecida de Goiânia).

O famtour dos políticos, que aconteceu nesta segunda-feira (10/6), deu-se entre 10 e 12h30, sendo encerrado com almoço no refeitório na sede do CREDEQ – Prof. Jamil Issy. Encantados com a estrutura e o depoimento dos pacientes, com os quais eles interagiram, os parlamentares foram unânimes e categóricos quanto a importância da única unidade goiana de saúde, que é ligada a SES/GO, a reabilitar, na modalidade pública e gratuita, casos severos da dependência química.

A visitação teve início com uma exposição macro a respeito da unidade na sala de Treinamentos 3 (STO-3), do Ambulatório Infantojuvenil. A preleção foi aberta pela presidente da organização social responsável pela gestão administrativa e financeira do CREDEQ – Prof. Jamil Issy, a irmã Raquel Lemes. Ela falou sobre Comunidade Luz da Vida, fundada em 1997, assim como o processo de acolhimento, cuidado, instrumentalização e fortalecimento do ser humano em contexto de vulnerabilidade e/ou em situação de carência, abandono ou dependência química, para que protagonize a sua condição de humanidade e plena cidadania.

Depois de exibir um vídeo sobre o organismo e um comovente testemunho, a religiosa passou a palavra ao diretor técnico da unidade, médico psiquiatra Júlio Henkes, que falou sobre o conceito do hospital. Ele explicou a diferença do espaço em relação às comunidades terapêuticas. O primeiro diagnostica e reabilita a partir de suportes medicamentosos e protocolo terapêutico individuais aportados em profissionais interdisciplinares e ações psicoeducacionais. As CT, por sua vez, realizam um trabalho de acolhimento e são regidas pela religiosidade e protocolo dos 12 passos.

Encerrada a explanação do diretor, o educador físico Olímpio Teodoro expôs o universo multiprofissional, sua utilidade e propósito. Sua fala foi sucedida pela supervisora do Serviço Social, Elis Marina, que revelou os projetos de inserções familiar, social e mercadológico executados pelo CREDEQ – Prof. Jamil Issy. Explicando que o processo de reabilitação na unidade está alicerçado em dois binômios: abstinência total e reinserção. Dois pilares permeados pela humanidade no acolhimento, tratamento e acompanhamento.

Em seguida, aconteceu a visita à estrutura. Empolgados com volume de informações, a grandiosidade do espaço e a presença de pacientes em atividades, os convidados questionaram sobre os processos, os casos, as formas de tratamento, as metas, os recursos, as parcerias e os problemas. Conversaram com pacientes, assistiram a partida de futebol, sessão de hidroginástica, apresentação artística no Núcleo Feminino, apresentação musical, no Anfiteatro do Núcleo Masculino 01.

Conheceram a Detox, assim como o seu protocolo, estrutura e sala de reanimação; as Unidades de Terapias Residenciais e sua finalidade; a horta, cultivada pelos pacientes e resultado da parceria permanente com a Emater de Aparecida de Goiânia; o canil, que protagoniza a Terapia Assistida com Animais. Antes que o périplo fosse encerrado, a irmã Raquel mostrou a parte da área do CREDEQ – Prof. Jamil Issy que está reservada para a estruturação futura de núcleos de capacitação profissional.

Em seguida, os parlamentares se dirigiram ao refeitório da unidade, para o almoço. Antes de deixarem o local, foram presenteados com mudas de plantas. O CREDEQ – Prof. Jamil Issy foi inaugurado em 23 de junho de 2016. Sua construção, porém, teve início em 2014, quando se abriu a concorrência, ganha pela Luz da Vida.

Desde a abertura, que foi gradual, com a implantação plena, a partir der 1º de dezembro de 2017, realizou-se o primeiro atendimento a cerca de 10 mil pessoas, das quais em torno de 2 mil iniciaram a reabilitação pela internação, cujo tempo médio de duração são de 12 semanas. A unidade tem 108 leitos de internação e capacidade para atendimento ambulatorial mensal torno de 3,8 mil.

Todavia, este volume tem sido, mensalmente, superior em aproximadamente 30%. Os leitos hospitalares estão distribuídos em 84 leitos para o público masculino e 24 para o feminino. O protocolo terapêutico está alicerçado no atendimento médico multiprofissional e psicoeducacional.

O primeiro alicerce representado pelo corpo de psiquiatras e clínicos geral. O segundo, por enfermeiros, técnicos em enfermagem, psicólogos, assistentes sociais, terapeutas ocupacionais, educadores físicos, nutricionistas, farmacêuticos e musicoterapeutas. Por último e não menos importante, o desenvolvimento de habilidades sociais, psicológicas e emocionais por meio de três programas – Candeeiro/Comunicação Assertiva, Treinamento de Habilidades Sociais/THS e Prevenção de Recaídas/PR.

Em ambos tratamentos (internação ou ambulatorial), há necessidade do paciente ter acompanhamento psiquiátrico, psicológico, da terapia ocupacional e do serviço social. No programa terapêutico do CREDEQ as intervenções são múltiplas – ambulatorial, internação em leitos de saúde mental (desintoxicação e tratamento da abstinência física) e leitos de acolhimento em modelo residencial (reabilitação psicossocial).

 

11 jun 2019



DEPOIMENTOS


  • Endereço

    Avenida Tanner de Melo, S/N – quadra gleba 02, lote parte 02
    Fazenda Santo Antônio Aparecida de Goiânia – GO CEP: 74993-551