Arquidiocese de Goiânia celebra missa no CREDEQ


O bispo auxiliar de Goiânia, Dom Moacir Silva Arantes, representando o arcebispo metropolitano, Dom Washington Cruz, promoveu visita pastoral às dependências do Centro Estadual de Referência e Excelência em Dependência Química, unidade de Aparecida de Goiânia (CREDEQ – Prof. Jamil Issy), na tarde do último dia 12 de fevereiro, com o propósito de conhecer o espaço físico e as atividades realizadas junto aos pacientes internados e em tratamento ambulatorial.

Na oportunidade, o sacerdote celebrou a eucaristia, na área de convivência coletiva do Núcleo Masculino 02, onde aconteceu a participação de pacientes e profissionais que atuam na única unidade pública e gratuita a realizar tratamento de casos severos da dependência química em Goiás. Ponderando sobre a liturgia do dia (Marcos 7,1-13), Dom Moacir salienta que para amar a Deus é preciso estar em sintonia com ele, seguindo os seus ensinamentos e não os deturpando-os com as necessidades humanas.

“Não devemos fazer o que nos agrada, pois sempre nos leva ao mal, pois a tendência do ser humano é fugir do sofrimento, refugiando-se no que o distancia da misericórdia de Deus. Deus pediu a nós que empurrássemos uma pedra, mas Satanás busca nos convencer de que a pedra é pesada e precisamos concentrar nossas energias em ações mais fáceis. Deus, então, precisa nos lembrar que nos pediu para empurrar e não rolá-la”, esclarece o religioso, alertando aos participantes de que a despeito das dificuldades Deus está sempre à disposição de quem lhe pede apoio.

Para tanto, Dom Moacir disse a cada interno presente ali, bem como aos colaboradores, que o Senhor é como uma mãe que jamais vai nos abandonar. Ao fim da missa, o bispo comentou que, no dia anterior (11), a Igreja celebrou Nossa Senhora de Lourdes e o Dia Mundial dos Enfermos, lembrando que todos temos enfermidades, sejam elas físicas ou espirituais. Ele afirmou ainda que a Aparição de Nossa Senhora de Lourdes (1858) é um importante testemunho de que para Deus não há lugares feios, ruins ou sujos que não possam ser transformados.

“Nossa Senhora apareceu na gruta de Massabielle, que era um lugar sujo e ali foi transformado; hoje abriga um hospital e um santuário. É a prova de que não há lugar que Deus não transforme e que só ele é capaz de mudar nosso interior e exterior”.

O secretário de capelania e membro da Comunidade Luz da Vida, Delubio Ribeiro Mendes, informou que o objetivo da visita do Dom Moacir era conhecer e participar da vida do CREDEQ – Prof. Jamil Issy e da recuperação dos internos. “Queremos que a Arquidiocese de Goiânia esteja presente neste importante projeto. É um pedido dos próprios internos de que tenhamos a presença da Igreja, do padre para atender confissões e para celebrar a Santa Missa quando possível”, disse.

18 fev 2019



DEPOIMENTOS


  • Endereço

    Avenida Tanner de Melo, S/N – quadra gleba 02, lote parte 02
    Fazenda Santo Antônio Aparecida de Goiânia – GO CEP: 74993-551